sexta-feira, 18 de abril de 2008

EU SEI DE UM MENINO...

BLOGAGEM COLECTIVA CONTRA O ANALFABETISMO NO BRASIL E NO MUNDO

Eu sei de um menino...
Não tem nacionalidade, porque não sabe o que é um país.
Só conhece a terra onde nasceu.
E para ele essa é A TERRA.
É a casa; e não há nada para além do canto onde ele nasceu...
Para outros , esse é o seu mundo.
Para ele ESSE É O MUNDO.
É como o homem.
Para Deus este é o mundo do homem.
Para o Homem, ESTE É O MUNDO.
Homens são crianças ignorantes!
*
Jantar entre os wolofs

Esse menino não tem Governo...
Ele está governado pela pobreza.
Esse menino não tem um Estado.
Ele está em estado de fome de sede, de doença.
E está tudo bem...
Porque ele esse é o único Governo que ele conhece.
*
Photobucket

Esse menino, como menino que é,
Tem brinquedos.
De lata, de paus...
E de coisas maravilhosas que acha no chão;
De muitas cores...
De muitos formatos...
Que se chama “lixo”.
*
Photobucket

Esse menino nunca viu a brancura de um papel...
Nem lápis de côres...
Os desenhos de muitas folhas que se chamam livros...
Às vezes desenhos coloridos,
Outras vezes desenhos que se chamam letras, e depois palavras, e depois frases.
Às vezes vai a um sítio chamado escola...
À sombra de uma àrvore, riscando no chão com o dedo.
Ou à sombra de paredes de paus, onde ensinam coisas estranhas...
Esquecendo que ele está com fome, doente,ou cansado do trabalho do dia.
Trabalho de homem.
**
*
**

Quando fôr grande, vou ser um homem bonito e bem vestido,
E quero dizer que quero comida e brinquedos dos crescidos...
Carro, televisão, ou arma com cartucho, tanto faz...
*
ESTE "TANTO FAZ" ... É MESMO "TANTO FAZ" !!!

***
*
***
Este "menino" eu vi , e revi vezes sem conta em África, na América do Sul, mas "ele" tambem se multiplica em longínquas terras da àsia, e até na Europa, nos bairros da lata, na chamada "Pobreza Escondida" dos novos guetos, das drogas, da falta de Acção Social...
Este menino vive nos campos de refugiados...
Este menino vive nos bairros pobres do Brasil, e em todos os sitios do mundo onde haja meninos, e homens, e pobreza, corrupção, ignorância, exploração!
*
Aqui, neste Post, porque não conheço a realidade brasileira, mas não deve ser muito diferente de muitos outros " Governos de Pobreza", como os que aqui estão retratados...
As soluções existem !
Basta que exista em conjunto um outro requisito: Vontade, Exposição Pública !
E não exista : Inércia, Indiferença !
Noutro Post Irei abordar esta temática que vivi muito de perto, através não só de doações (que só por si nada resolvem, e a pobreza vai-se tornando um círculo cada vez mais vicioso e viciado), mas sobretudo de:
Acções de Formação
Exposição Pública das graves situações Sociais
Angariação de Materiais Escolares, alimento e medicamentos básicos
Eis algumas das vertentes que eu trabalhei , em conjunto com ONG `S , para chegar às populações locais!
Neste contexto agimos num conjunto planificado,pois é dificil estudar sob o espectro da subnutrição, da doença, ou da falta de apoio técnico mínimamente formado...
*
VOLUNTARIADO PARA:
*
A)ACÇÕES DE FORMAÇÃO DE FORMADORES
B)SATISFACÇÃO DAS NECESSIDADES BÁSICAS AO NÍVEL DA ALIMENTAÇÃO, SAÚDE E SANEAMENTO PÚBLICO
C) CONSTRUCÇÃO ( FISICA) DE ESCOLAS ( PARA CRIANÇAS E ALGUNS ADULTOS)
D) POSSIBILIDADE DE MICROCRÉDITOS A FUNCIONAREM EM COOPERATIVA PARA QUE AO TRABALHAREM OS ADULTOS, AS CRIANÇAS, SOBRETUDO AS MENINAS, USUFRUAM DE TEMPO LIVRE PARA SE ESCOLARIZAREM!
***
NUM SEGUNDO POST, QUE COLOCAREI AQUI O MAIS BREVE POSSÍVEL, MOSTRAREI UM PROJECTO EM ESPECIAL ( COM FOTOS) E RESULTADOS JÁ VISÍVEIS AO NÍVEL DA ESCOLARIDADE E TEMPOS LIVRES DAS CRIANÇAS
E , AGORA, JÁ TAMBÉM DOS PAIS, PARTINDO DE MUITA VONTADE LOCAL E ALGUMA AJUDA EXTERIOR.
*
SE PUDER CONTACTAR, ESCREVEREI TAMBÉM DE UM PROJECTO NO BRASIL DE UM CENTRO DE ALFABETIZAÇÃO E ACOLHIMENTO DE CRIANÇAS, E ALFABETIZAÇÃO NOCTURNA DE ADULTOS(C/FOTOS)
*
(TEXTO POR ANA C./ SOB_VERSIVA)
(FOTOS POR ANA C./ SOB_VERSIVA)


BLOGAGEM COLECTIVA PROMOVIDA POR
  • GEORGIA
  • 9 comentários:

    Georgia disse...

    Ana, que participacao essa a sua. Parabéns!
    Comecou em estilo de crônica e foi inteligentemente falando de uma realidade dura e cruel que assola o mundo.
    O Brasil nao é lá muito diferente nao em relacao à África.
    Eu gostaria que você me avisasse quando vai postar os outros artigos. Terei o maior prazer em lê-lo e fiquei muito interessada nesse projeto noturno.
    Parabéns! E obrigada por sua participacao.

    Grande beijo

    Adri /Dri /Drika disse...

    Bom dia, estou visitando os blogs que estão confirmados na blogagem contra o analfabetismo... Parabéns pelo seu post e por abraçar a causa.

    Bárbara M.P. disse...

    Parabéns pelo texto muito bem escrito e por aderir à tão importante causa.


    Um abraço,
    Bárbara M.P.

    RAMOSFOREST.ENVIRONMENT disse...

    Eu gostaria de dizer que não sei desse menino. Mas eu também sei desses meninos, no Brasil, aqui na esquina , e no Mundo.
    Menos populismo dos governantes e mais cidadania e ética.

    blogosfera solidaria disse...

    olá ana
    estarei aguardando a segunda parte
    um abraço

    "Não é possível refazer este país, democratizá-lo, humanizá-lo, torná-lo sério, com adolescentes brincando de matar gente, ofendendo a vida, destruindo o sonho, inviabilizando o amor. Se a educação sozinha não transformar a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda."

    Paulo Freire

    Fábio Mayer disse...

    O analfabetismo é a expressão da miséria aplicada às letras. Ele representa a miséria intelectual, que é tão trágica quanto a material.

    Lulu on the Sky® disse...

    Vim conhecer seu blog através da blogagem coletiva da Georgia ao qual tb participo.
    A pobreza sempre vai existir aqui no Brasil, um país corrompido pela corrupção. Se os políticos fossem mais honestos saberiam mudar esse quadro dando qualidade de vida investindo em saúde, saneamento, educação que é a base de tudo, moradia.
    Big Beijos

    evipensieri disse...

    Parabéns pelo seu texto. Tomara que essa situação mude algum dia.

    Elvira

    Scliar disse...

    Muito bom. E fiquei curiosa sobre os exemplos. O microcrédito (colocado em pratica, em larga escala, por Muhammad Yunus, o banqueiro dos pobres) conseguiu transforma milhares de vidas - uma prova de que pequenas ações fazem a diferença. Nós estamos traalhando também, para combater o analfabetismo funcional, praga que assola tanto países desenvolvidos quanto subdesenvolvidos. Foi o assunto la nomeu post, que tem link para o projeto. Abraços, ethel sc